Este ano eu completo 30 invernos (não são primaveras, pois nasci em julho). Os que já passaram por essa fase sabem que ela vem recheada de mudanças, tanto físicas (já me chamam de Tia ou Senhora na rua!!!), como comportamentais, e com isso vêm os questionamentos.

Após a miscelânea de emoções vividas nos últimos anos, resolvi tirar um tempo para mim. Quero vivenciar situações imprevistas e redescobrir a Flávia, que por vezes vinha se escorando em personagens circunstanciais.

Obtive a aprovação do meu pedido de licença sem vencimentos do trabalho, por um período de um ano. Só faltava isso para começar o meu planejamento de transformar minhas economias em passagens, albergues, museus, paisagens, espiritualidade, comidas, encontros e desencontros.

Dois mil e oito para mim vai ser o ano da cigarra! – Isso não é horóscopo Chinês, Maia ou Checheno; é o resgate da Fábula de La Fontaine (mais conhecida como Fábula da cigarra e da formiga), mas com uma inversão de sua moral: sim, paremos para cantar e apreciar a primavera, e desfrutemos o ócio!!!!!

27 de dezembro de 2008

Festas!

Queridos amigos,
Vim aqui para desejar um Feliz Natal e uma ótima entrada de ano para vocês!
Ainda na Índia, meu Natal quase que passa desapercebido. Aqui não tem músicas de corais e imagens de Papai Noel, presépios ou luzinhas natalinas nas ruas. Apesar de existir uma porcentagem significativa de cristãos, o entorno da cultura hinduísta é tão predominante que quase que esquecemos que estávamos perto das festividades.
Porém, no fim, a minha experiência natalina não foi rodeada de um clima hinduísta, mas sim budista (apesar de Buddha também ser aceito no hinduísmo, como uma reencarnação de Vishnu). Estávamos em Bodhgaia, cidade no nordeste da Índia, onde Buddha atingiu sua iluminação. Local com uma energia muito forte, cheia de peregrinos vindo de diferentes países do mundo, principalmente da região do Tibet.
Lá, juntas com outros amigos, um alemão e outro escocês, saímos para um jantar de celebração e ate fizemos um corinho de músicas natalinas (vejam a última foto). Também fizemos nossas reverências ao menino Jesus (outro iluminado que passou por essa terra) e nos deliciamos com nosso prato vegetariano, especialidade da comida Tibetana! Muito bom!
Mesmo feliz e completa, dormi com muitas saudades dos amigos e, principalmente, da família: das músicas de Natal da Beti; do meu pai ansioso para abrir presentes parecendo uma criança; do almoço em Sorocaba; dos panetones da vó Macaca e assados do vô Bode; corujice da mamãe, das aparicões inesperadas do Leonel; das bebedeiras com primos, tios, irmanitas e cunhados... Tão gostoso! E só estar bem distante para valorizar 1000 vezes mais tudo isso!
Espero que as festas de vocês tenham sido também cheias de luz e alegria,
aproveitem esse período gostoso com as pessoas que amam que eu faço isso aqui com a Cacá!
muitos beijos,
Flávia





10 comentários:

gevis disse...

Natal é onde ,como e quando quizermos .Depende essencialmente de nós .É isso que me diz a experiencia e que a Fla agora confirma .Mas a saudade .... é uma outra coisa ,não é ? Continuação dos bons momentos .

deaconti disse...

Filhotas, vocês fizeram muita falta a todos nós. Mas continuamos vibrando com suas novas experiências. Suas vibes batem aqui e reverberam em nós. Que as nossas também cheguem aí, onde vocês estiverem. Portanto, farei com que as minhas sejam positivas ao máximo, para que nada de mal atinja em vocês e em todos nós.

te amo
beijos meus e do Leonel

Jackiie~ disse...

Adooorei o teu blog *-* tuas viagens, muitooo MARA!! Um dia, quem sabe? tbm não estou q nem vc ^^

bjoooos

Lia disse...

Oi! Estive vendo as suas fotos lá no Flickr e estão ótimas! Imagino que seja bem difícil falar dos outros lugares que esteve depois de tanto tempo, mas espero que tenha tempo e disposição para isso, porque quero saber tudo da Índia, mas também quero notícias dos outros lugares, como a Itália, por exemplo.

Beijos para as duas irmãs e tudo de bom em 2009!

cigarra disse...

oi pessoal!
agora estamos em Rishkesh, acompanhando um trabalho de um guru iluminado. Tem sido uma experiencia muito importante de auto-conhecimento. Praticas de yoga, meditacao, stasangas, pujas, tem ajudado a nos conectar com nos mesmas e estar cada vez mais em um estado constante de paz e amor. Talvez, na proxima semana ficarei um pouco afastada da internet, para tentar estar o mais possivel com os pes no presente espaco e momento.
Entao, se nao aparecer, nao se preocupem, esta tudo na santa paz!
Jackiiie, prazer em conhece-la.
Lia, pode deixar, escreverei sobre a Italia em algum momento. Meu computador quebrou e tem sido dificil parar para trascrever os textos em papel para a net em cibercafes... Em ultimo caso, te conto dos lugares em um encontro ao vivo em Sampa.
Primos e mama, beijao pro ces tb, e obrigada pelas good vibes!
namaste Fla

Andre Lopes disse...

Beijão Flávia!! Sentimentos e lugares inacreditáveis... certeza que você os vivencia da melhor maneira, com o coração. Beijão e saudades do seu amigo André (de Maceió, de São Paulo, ou da Capadoccia, como preferir!!!)
bjos!
ps.: tenho que te mandar umas fotos!

Ana Conti disse...

Faz tempo que não entrava no blog e qdo entrei me du uma saudade. É tão gostoso poder ver a careta de vcs duas.
Caca, não peerde nenhum detalhe heim, vai ter que contar tudo p/ mim e p/ o Jorjão.
Amo vcs duas de paixão.

deaconti disse...

Tô sentindo muuuuuuuuuuuita saudade. Saudade de estar mais perto de vocês, ao menos via WEB... Esse retiro em Rishikesh deve mesmo estar o máximo, pois ambas deixaram todo o resto de lado. Já sei, já sei: tem os e-mails que vocês enviam de vez em quando, mas são curtos demais e dizem poucas coisas. Tadinho desse blog, tão esquecidinho...

amo ocês

juli disse...

Querida Flá... eh isso mesmo, qdo estamos distantes eh que valorizamos os momentos com familiares e amigos, por mais simples e comuns que tenham sido... Desejo a vcs um ano novo maravilhoso, repleto de amor, alegrias, paz, saúde e realizações e, cheio de histórias e (lembranças) p contar...Bjsss!!!

Leo disse...

Meninas, vocês estão ótimas nessas fotos! Lindas, leves e felizes! Parabéns!